Descargas atmosfericas matam 40 pessoas em Mocambique - Dez mortes por descargas atmosféricas em Tete

Dez mortes por descargas atmosféricas em Tete

/

Dez pessoas morreram atingidas por descargas atmosféricas na província de Tete, centro de Moçambique, na última quinzena de janeiro, anunciaram as autoridades num balanço sobre as intempéries que têm atingido o país.

Diversas trovoadas ocorreram no último mês, com chuva e vento forte, altura em que o centro do país foi atingido pelo ciclone Eloise, no fim-de-semana de 22 e 23 de janeiro.

De acordo com dados do Instituto Nacional de Gestão de Desastres (INGD), além das descargas atmosféricas, a forte pluviosidade da última quinzena de janeiro provocou inundações que afetaram 3.300 famílias em zonas ribeirinhas do rio Zambeze e afluentes.

Há ainda registo de um centro de saúde parcialmente destruído em Chifunde e sete troços de estrada condicionados na província.

Este ano milhares de pessoas já foram afectadas pelas intempéries em Moçambique.

A tempestade Chalane atingiu o centro do país no final do ano e provocou sete mortos, seguindo-se o ciclone Eloise, em janeiro, com um balanço de 12 mortos.

EFNn 5wX4AAPDl2 - Dez mortes por descargas atmosféricas em Tete
Notícia Anterior

Dívidas Ocultas: Para dançar Tango….São precisos dois

6c0c69f45c88eea8734cf534aeeddbb6 XL 1 - Dez mortes por descargas atmosféricas em Tete
Próxima Notícia

Papa Francisco nomeou Rev. Inácio Lucas para novo bispo de Gurúè

Recente deDESTAQUES

Translate »
WhatsApp chat