Tentativa de rapto de Matias Guente: Comandante Geral da PRM diz que são “aproveitadores”

em DESTAQUES/SOCIEDADE por

Subscrever noticias do Jornal Txopela

O Comandante Geral da Polícia da República de Moçambique (PRM), Bernardino Rafael disse ontem que os que tentaram raptar o editor executivo do Canal de Moçambique, o jornalista Matias Guente, são “aproveitadores” que querem “criar agitação” e “confundir as pessoas”.

Bernardino Rafael fez essas declarações na clínica onde está internado Matias Guente, quando o foi visitar. Na ocasião o Comandante Geral fazia-se acompanhar de outros quadros do topo da polícia. Na breve interacção que teve com o jornalista Bernardino Rafael disse que a corporação está a trabalhar para esclarecer o caso e que não tem dúvidas que se trata de “aproveitadores”.

Antes da chegada do Comandante à clinica, um batalhão de elementos da SERNIC estiveram no quarto onde esteve Matias Guente para colher declarações.

O jornalista está fora de perigo e recebeu pontos nos braços devido a cortes feitos com golpes disferidos de taco de golfe. Na tarde de ontem várias personalidades, desde jornalistas, membros da sociedade civil, académicos, empresários e políticos deslocaram-se à clínica para prestar solidariedade. Regra geral, todos sublinharam a convicção de se tratar de mais uma acção dos habituais esquadrões, um crime com motivações políticas, devido aos posicionamentos do jornal e do próprio jornalista.(Canalmoz)

Leia:  Mingas encanta Brasil no lançamento do documentário Karingana