Jornal Txopela vence prêmio de jornalismo do CTV

em DESTAQUES/SOCIEDADE por

Subscrever noticias do Jornal Txopela

O Jornal “Txopela” é vencedor do concurso de jornalismo na categoria de imprensa escrita promovido pelo Centro Terra Viva – Estudos e Advocacia Ambiental, uma organização moçambicana que divulga informação sobre gestão de terra e recursos naturais para melhorar as capacidades dos cidadãos de proteger os seus direitos e cumprir com suas obrigações ambientais, promovendo a sua participação e contribuição informada no desenvolvimento do país.

O trabalho foi publicado a 29 de Novembro de 2019, com o título Nhahene: Um bairro fantasma, o artigo descreve o drama e desafios enfrentados por cidadãos que residem na zona de reassentamento de Nahene, na cidade de Nampula. A matéria é assinada pelo jornalista Zito do Rosário Ossumane que concorreu ao lado de outros 28 profissionais de comunicação social.

Os vencedores foram divulgados semana última, o acto de entrega dos prêmios deverá ocorrer em janeiro de 2020. É a primeira vez que o Txopela conquista o Prêmio do CTV, dedicado ao jornalismo ambiental.

“Assim, para a categoria de imprensa escrita o vencedor é Zito Ossumane com a reportagem intitulada: “Nahene – um bairro fantasma” publicada no jornal Txopela e para a categoria de imprensa audivisual o prémio é partilhado entre Sónia Muloze com a reportagem com o título: “Desflorestamento e mudanças climáticas em Jangamo e Vilanculo” exibida na Rádio Comunitária de Vilanculo e Gildo Máquina com a reportagem intitulada: “Em Nahene não há saudades de Chuva” exibida na Rádio Moçambique – Emissor Provincial de Nampula.”= informa uma nota enviada a nossa organização.

Leia:  Com financiamento da Jhpiego: DPS Zambézia espera circuncidar cerca de dois milhoes de pessoas ate 2019