Capacitados 54 professores em informática aplicada a educação pelo Projecto Wishutiha

em DESTAQUES/EMPRESAS MARCAS E PESSOAS por

Cinquenta e quatro professores de oito estabelecimentos de ensino dos distritos de Nacala-à-Velha e Nacala-Porto terminaram, neste mês de Outubro, a capacitação em informática aplicada à educação que vinha decorrendo desde Julho do corrente ano, nestes dois pontos da província de Nampula.

A formação visava dotar os professores de ferramentas que os permitam melhorar o processo de ensino e aprendizagem e, consequentemente, aumentar o aproveitamento pedagógico no país.

Com a capacitação os professores estão habilitados a fazer pesquisas na internet, produzir materiais de apoio para os estudantes ou elaborar provas usando computador, organizar pautas ou notas dos alunos, melhorar o controlo de assiduidade e o processo de planificação das aulas, criar bases de dados estatísticos sobre o processo de ensino e aprendizagem, entre outras competências.

Intervindo durante a cerimónia de encerramento do curso, o Director de Operações de Logística de Carvão, Marcos Presoti, falou da importância da informática no processo de ensino e aprendizagem, tendo dito“ a informática permite que os professores viagem pelo mundo, sem sair do lugar, em busca de conhecimento através do computador para melhorar o processo de ensino e aprendizagem”.

Presoti disse, ainda, que o Corredor está a apostar na formação de professores em novas tecnologias de informação e comunicação visando melhorar a qualidade de ensino. “Através da formação do capital humano estamos a contribuir no fortalecimento do sector da educação de modo a melhorar a qualidade de ensino na região. Esperamos que os vossos alunos sejam os maiores beneficiários do investimento do Corredor”, sublinhou.

O representante dos formandos, agradeceu o Corredor pela formação e garantiu que o conhecimento aprendido irá servir para melhorar o aproveitamento pedagógico. “Estamos satisfeitos com a formação e determinados a pôr em prática o aprendizado para o desenvolvimento do nosso país”, garantiu.

Leia:  Estados Unidos transportam bens para apoiar a resposta humanitária pós-ciclone idai

Para além dos cinquenta e quatro professores foram formados, também, quatro monitores sociais pelo Projecto Wishutiha (que significa ensinar na língua Emakua), iniciativa do Corredor Nacala para melhorar a qualidade do ensino na região.