LIBERDADE & INDEPENDÊNCIA

COTIZA apela aos dirigentes o respeito a nobreza Islâmica

em DESTAQUES/SOCIEDADE por

O Conselho dos Teólogos da Zambézia (COTIZA) apela aos dirigentes do Governo e partidos políticos a respeitarem a dignidade islâmica, face as acusações que recaem sobre a comunidade muçulmana, no que tange aos ataques de homens armados em cabo delgado.

O apelo foi lançado neste domingo (11) em Quelimane, pelo presidente da comissão da COTIZA, Sheik Abdul Satar Jamal, na margem da comemoração do Ide-Ul-Adhá.

Segundo explicou Abdul Satar Jamal ao Jornal Txopela e Rádio Chuabo, os ataques que tem ocorrido em Cabo Delgado não tem a ver com o padrão de vida dos muçulmanos. Nesse contexto os dirigentes devem desenhar estratégias de modo a identificar esses malfeitores, porque só desta forma estarão a honrar e respeitar a dignidade Islâmica.

“O que esta acontecer em Cabo Delgado não se comparam aos padrões do islão, os malfeitores apenas usam capa que denigrem a imagem dos muçulmanos, desta feita que os dirigentes devem de princípio colaborar com a população local de forma a identificar esses malfeitores, porque só assim estarão a respeitar a dignidade dos muçulmanos”-disse Abdul Satar Jamal.

O Presidente do Conselho dos Teólogos da Zambézia disse ainda que não apenas os muçulmanos, mais também os crentes de outras religiões do país, devem seguir e obedecer os mandamentos deixados por Abraão, o único homem que ofereceu o seu primogênito em forma de sacrifício a Allah (Deus) em resultado da sua fé.

“Hoje em dia nós como seguidores de Muhammade, devemos ser como Abraão sem orgulho e nem ganância entre irmãos, compreendendo que só através das boas ações é que alcançaremos a paz entre moçambicanos”- finalizou Abdul Satar Jamal apelando aos dirigentes a revestirem-se da personalidade de Abraão em prol do bem-estar e harmonia entre os Moçambicanos.

Translate »
Ir para topo
WhatsApp chat