PR Nyusi participou do EuroAfrica Forum em Portugal

em DESTAQUES/PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA por

O Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, esteve no principal painel da EuroAfrica Forum que decorre em Cascais com o seu homólogo português, Marcelo Rebelo de Sousa, e que contou com investidores e representantes de países e organizações dos dois continentes.

Durante a conversa entre os dois presidentes, o Chefe do Estado e seu homólogo português abordaram vários assuntos de interesse de Moçambique, focando-se na reconstrução pôs -ciclones IDAI e Kenneth, paz e reconciliação, bem como economia e desenvolvimento, tudo assente no lema do Fórum, que é, “Parceria de Igualdade: Partilhando Valores, Partilhando Prosperidade.”

Intervindo, o Presidente Nyusi começou por agradecer ao movimento internacional mobilizado para o apoio às vítimas do dos ciclones que afectaram Moçambique, e que agora prossegue a fase de reconstrução e normalização das zonas afectadas.

Quanto à questões macroeconômicas, o estadista moçambicano disse haver muita expectativa no País e no mundo em relação ao gás, mas que este não pode ser o centro das atenções.

“Como País precisamos de continuar a apostar na diversificação da economia, olhando para actividades naturais do país, como é o caso da agricultura, energia e turismo, pois Moçambique tem muitas outras oportunidades para o seu desenvolvimento para além do gás”, alertou aos participantes.

Quanto à paz, o Presidente Nyusi garantiu que tudo fará para contribuir para a paz efectiva no país, pois entende que “sem a paz, tudo o que estamos a sonhar para o nosso futuro conjunto como país, vai abaixo”.

Para o Chefe do Estado, o tema central dos moçambicanos e dos amigos de Moçambique é a paz. “Tanto na visita do Santo Padre, o Papa Francisco em Setembro, como do Secretário geral da ONU, António Guterres, o centro das suas mensagens é a paz, o que coincide com os anseios dos moçambicanos”, disse.

Leia:  “Os sindicatos não são inimigos!”