ANADARKO prevê um investimento em infraestruturas de 25 mil milhões de USD em Moçambique

em EMPRESAS MARCAS E PESSOAS por

O Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, testemunhou ontem a cerimónia do anúncio da Decisão Final de Investimento da ANADARKO,que prevê um investimento em infraestruturas de 25 mil milhões de dólares, o maior de sempre no continente africano, segundo Karen Kelley, secretária adjunta para o Comércio dos EUA, presente na cerimónia.

Para o Chefe do Estado, o investimentos da NADARKO em gás natural em Moçambique, é capaz de transformar o país, tornando-se numa certeza O Presidente moçambicano, Filipe Nyusi,

“O que antes eram perspectivas de investimento, agora transformaram-se em certeza. O país tem reservas de gás natural de classe mundial, as maiores de África, e vai passar a ser o maior produtor e exportador de gás natural liquefeito (GNL) do continente”, disse o estadista

O Presidente Nyusi destacou o contributo do projeto para as receitas do Estado que é cerca de 2.000 milhões de dólares por ano, a partir de 2025 e durante 25 anos, mas o desafio coloca-se agora na capacidade de melhor explorar os recursos naturais para garantir que a nova riqueza sirva para diversificar a economia e impulsionar as áreas sociais e de infraestruturas.

“A cerimónia de hoje assinala um legado para as gerações vindouras. O presente encontra-se com o futuro num caminho de exploração de criação de riqueza,que deverá alavancar Moçambique na região e no mundo”, observou

Entretanto, o Chefe do Estado reiterou o compromisso com as negociações de paz no país e a esperança de que a violência armada em Cabo Delgado termine. “Não se gera investimento num ambiente de incerteza política ou de insegurança. O povo moçambicano é um povo de bem que quer viver em paz, sem o espetro da guerra”, referiu Filipe Nyusi.

Leia:  400 jovens preparados para o mercado profissional em Tete