Maior Central Solar de Moçambique, em Mocuba custou 76 milhões de dólares

Maior Central Solar de Moçambique, em Mocuba custou 76 milhões de dólares

em EMPRESAS MARCAS E PESSOAS por

Obras de construção da maior Central Solar de Moçambique, em Mocuba em 98 % de execução

Comunicado do Governo da Zambézia

Está em curso no Distrito de Mocuba, a construção da maior Central Solar de Moçambique desde 2018 cuja execução da obra até ao momento, está em 98%. O projecto de construção da Central Solar de Mocuba é a primeira central solar de grande dimensão a ser construída no país e que representa um passo importante para concretizar a ambição do Governo moçambicano de aumentar a geração de energia renovável no seu plano energético.

A produção esperada é de 79.000 MWh por ano e representará cerca de 4.8% da capacidade actual de electricidade de Moçambique e cerca de 40% da Rede na zona norte do país.

A energia a ser gerada a partir da Central Solar de Mocuba será conectada e injectada a partir da subestação da EDM situada na localidade de Bive em Mocuba e estima-se que cerca de 175,000 familias venham a se beneficiar da energia deste projecto.

A construção da Central Solar de Mocuba empregou no total 1,209 pessoas a partir da sua construtora a Scatec Solar Mozambique LDA, e empresas sub-contratadas. Deste número contam-se 1.113 homens e 96 mulheres e 87% do universo total foram contractados localmente.

Contou igualmente com 47 expatriados/especialistas em matérias de Energias solares oriundos da África do Sul, Brasil, Espanha e Zimbábue para a construção da Central Solar.

A estrutura acionista do Projecto Solar de Mocuba – CESOM é comporta pela Scatec Solar DMCC com 52,5%, a EDM 25% e a Norfund com 22,5% e contam com financiamento da International Finance Corporation (IFC) e _Emerging Africa Infrastructure Fund_ num valor global de USD 76 milhões.