Sem informação oficial sobre o Ciclone, cidadãos recorrem ao Windyty

em DESTAQUES/SOCIEDADE por

Sem informação actualizada dos serviços meteorológicos do País, cidadãos recorrem a uma plataforma online para acompanhar a evolução e trajectoria do Ciclone “Idai”.

Nas Cidades da Beira e Quelimane, esta sendo amplamente divulgado o Windyty nos grupos de Whatssap principalmente.

“Durante a temporada de furacões, o Windyty.com   se torna uma importante fonte de informações meteorológicas para governos, instituições e indivíduos nas áreas afetadas, virtualmente salvando vidas”.

Os serviços de Metereologia asseveram que o ciclone tropical IDAI trará ventos que atingirão os 220 km/h, e chuvas copiosas.

As autoridades abriram 16 centros de acomodação para abrigar milhares de pessoas, nas zonas que poderão vir a ser as mais afectadas, na província da Zambézia e norte de Sofala, Manica e Tete.

Leia:  Ímpar apoia Olimpíadas Bancárias Millennium bim 2017