Aumentam números de casos de tuberculose em Quelimane

em SAÚDE por

Casos de tuberculose tem vindo a aumentar no distrito de Quelimane, facto que preocupa os Serviços Distritais de Saúde Mulher Acção Social nesta circunscrição geográfica.

Os dados indicam que em 2018 foram registados dois mil vinte e dois casos (2022) contra mil setecentos e oitenta (1780) casos do ano 2017, o que aponta um aumento significativo da epidemia.

A informação foi avançada esta segunda-feira (25) em Quelimane, pelo Director dos Serviços Distritais de Saúde Mulher Acção Social de Quelimane, Eduardo Zezema, em entrevista ao Semanário Txopela.

Os dois mil vinte e dois casos registados no ano passado, representam um número total de crianças, mulheres e homens diagnosticados pela doença ao nível dos centros de saúde e hospitais que se encontram dentro da cidade de Quelimane.

Eduardo Zezema, afirma que o aumento de casos se deve a tomada de consciência dos pacientes na procura dos serviços e tratamento da doença, resultado das acções de sensibilização e palestras levadas a cabo pelos Serviços Distritais de Saúde Mulher Acção Social de Quelimane.

“A tuberculose tem várias formas de manifestação. O paciente pode começar a ter caroços a nível da virilha, queixo e em simultâneo com a perda de peso acentuada” -frisou o responsável.

O Director dos Serviços Distritais de Saúde Mulher Acção Social de Quelimane, disse ainda que o distrito, dispõe de fármacos e pessoal médico para assistir e diagnosticar a doença, daí que na suspeita da patologia o cidadão deve sempre dirigir-se à uma unidade sanitária e fazer as consultas e tratamento que é grátis.

Segundo Eduardo Zezema, a tuberculose é uma doença infecto-contagiosa causada por uma bactéria, que pode infectar vários órgãos, mas normalmente afecta o pulmão. Tosse seca ou com secreção por mais de três semanas, cansaço excessivo, suor nocturno, emagrecimento acentuado e rouquidão são os sinais mais frequentes.