LIBERDADE & INDEPENDÊNCIA

Moza Banco doa 5 mil coletes para taxi-clicistas em Quelimane

em DESTAQUES/PODCAST/SOCIEDADE por

O Conselho Municipal da Cidade de Quelimane em parceria com o Moza Banco e a ATAMOZ, disponibilizaram nesta segunda-feira em Quelimane, 5 mil coletes de identificação aos taxi-clicistas desta urbe.

Durante o acto, o Presidente do Conselho Municipal da Cidade de Quelimane, Manuel de Araújo, disse que à atribuição de coletes aquela classe, resulta de um trabalho que tem vindo a ser levado a cabo pela sua instituição, para garantir o bem-estar daquela categoria.

“Precisamos que os nossos taxistas de bicicletas tenham seguro de bicicleta e de vida. Portanto, anunciamos hoje que os primeiros dez taxistas de bicicleta a se registarem neste programa irão receber um crédito a partir dos fundos do Conselho Municipal para adquirir mais uma bicicleta. Portanto, poderão assim empregar outros munícipes para a prática do táxi de bicicleta” – Manuel de Araújo.

Por sua vez, a Directora Comercial do Moza Banco, Isabel Neves explicou que a medida visa evitar acidentes de viação na urbe porque os coletes possuem refletores “estes coletes para além de identificar devido a cor, também têm os refletores que permitem que sejam vistos ao longo das vias públicas. Esperamos que a parceria não termine por aqui, tendo em vista que muitos dos ciclistas não possuem contas bancárias, o Moza Banco em parceria com o município irá lançar uma campanha para abertura de contas, para no futuro permitir que os mesmos possam se beneficiar de créditos para aquisição de mais bicicletas”

Timóteo João, um dos taxistas de bicicleta, beneficiários da iniciativa, entrevistado pelo Semanário Txopela, afirma que a atribuição de coletes é uma mais-valia.

Leia:  Trabalhadores exigem salario compatível com o actual custo de vida
Translate »
Ir para topo