LIBERDADE & INDEPENDÊNCIA

“Futuro de Moçambique está na cadeia” —Dom Hilário da Cruz Massinga, Bispo de Quelimane •

em DESTAQUES/POLITICA por

Quelimane (Txopela) – O bispo da Diocese de Quelimane, Dom Hilário da Cruz Massinga, diz que o futuro de Moçambique encontra-se detido.

O prelado defendeu este posicionamento durante a celebração eucarística a quando das comemorações do 4 de Outubro de 2016, Dia da Paz e ao nível da Igreja católica Apostólica Romana, dia dedicado a São Francisco de Assis, nos átrios dos Frades Capuchinos na cidade de Quelimane, onde estiveram presentes mais de três centenas de cidadãos entre eles crestes da igreja católica, membros da sociedade civil e entidades governamentais através de Elisa Somane, Secretaria Permanente Provincial da Zambézia.

Da cruz Massinga, olhou com preocupação, o facto de os jovens estarem a envolver-se em práticas criminais alarmantes, facto que faz com que sejam conduzidos às cadeias.

Dom Hilário, referiu que o país pode vir a conhecer momentos muito amargos pelo facto de aqueles que devem estar na dianteira estarem entre quatro paredes, onde não tem acesso à formação, portanto, “o futuro de Moçambique está na cadeia”.

Entretanto, este facto foi confirmado pelo director da Cadeia Civil de Quelimane Jordão Mangue, em entrevista exclusiva ao Jornal Txopela, sexta-feira última, à margem, da abertura do Ano Judicial 2017.

Conteúdo completo, exclusivo para assinantes

Leia:  Dinheiro moderno em Moçambique
Translate »
Ir para topo
WhatsApp chat