Moçambique e Botswana pretendem criar Museu Samora Machel

em CULTURA/DESTAQUES por

SamoraCom o objectivo de eternizar o esforço empreendido por nacionalistas moçambicanos, como Samora Machel, na Luta de Libertação Nacional, os Governos de Moçambique e de Botswana têm em curso o projecto de criação do Museu Samora Machel, em Lobatse, na República do Botswana.

O Museu será estabelecido na antiga residência da família Kgaboesile, em reconhecimento ao papel desempenhado por aquela família e pelo povo do Botswana no processo de Luta de Libertação de Moçambique. Como se pode recordar, a família Kgaboesile acolheu, em 1963, o Presidente Samora Machel, quando se deslocava à Tanzânia. De modo a acolher as contribuições sobre o pensamento, vida e obra de Samora Machel, com o intuito de enriquecer os conteúdos do Museu, os dois Governos realizam, esta sextafeira (5), em Maputo, o Seminário sobre o Projecto do Museu Samora Machel, que contará com a participação de representantes políticos dos dois países e de diversas personalidades

Leia:  Jornalistas impedidos de acompanhar contagem na Escola Eduardo Mondlane

Deixe a sua opinião

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.