“Descredibilidade de Moçambique pela comunidade internacional é gravíssima” diz Manuel de Araújo

em POLITICA por

Citando palavras do antigo presidente da Tanzânia Mualimo Nyerere, nos anos 70, em que dizia que “ Moçambique estava no mar alto” o presidente do município de Quelimane Manuel de Araújo disse que ate hoje moçambique se encontra literalmente no mar alto e numa situação em que existe uma tempestade, referindo-se assim a crise económica e dividas que o país acumulou na governação de Armando Guebuza .

Segundo de Manuel Araújo que falava a margem da 16ª conferência do OIDP, que decorreu no município da Matola, “é importante que tenhamos as pessoas certas, os marinheiros certos os capitais certos para poder levar este barco a um bom porto, porque a situação em que nos encontramos é muito mais grave do que vários órgãos de informação e o governo tem deixado a entender”.

De Araújo refere ainda que, Moçambique perdeu a credibilidade internacional, o mercado internacional já não acredita no que Moçambique diz, e um exemplo caricato é que normalmente quem vai a Washington é o governador do Banco de Moçambique e o ministro das finanças mas desta vez, a comunidade internacional, o FMI, não confiou nas palavras do “nosso” ministro das finanças e teve que ser despachado a ultima hora o primeiro-ministro para poder falar em nome de moçambique isso é gravíssimo. Fonte: Jornal Magazine Independente

Leia:  RENAMO volta a ficar em cima em Murropue-Quelimane

Deixe a sua opinião

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.