Nampula: Renamo marcha pela paz e justiça social

em DESTAQUES/POLITICA por

Para o alcance de uma paz definitiva no País

Agostinho Miguel

Nampula (Txopela) – A Liga da Juventude da Renamo, na província de Nampula, encoraja aos moçambicanos a cultivarem espírito de diálogo, concórdia e união em qualquer sector de actividade, como forma de se alcançar uma paz definitiva no País.

Este manifesto foi apresentado no sábado findo(18) numa marcha organizada por esta formação política a nível da província mais populosa do País.

A marcha tinha como ponto forte, a exaltação dos esforços empreendidos pelo Presidente da República Filipe Jacinto Nyusi e o líder da Renamo, Afonso Dhlakama, na busca de uma paz efectiva aos moçambicanos.

Segundo Braimo Issufo, presidente da Liga da Juventude da Renamo, neste “pedaço” do país, os moçambicanos devem estar a par de todos acontecimentos, resultantes do consenso que se verifica no diálogo político, entre a sua formação política e o governo da Frelimo, partido no poder em Moçambique.

Braimo Issufo sublinhou que a postura mostrada pelas ambas as partes, no quadro da pacificação do país, é o culminar da vontade e interesses que visam um Moçambique melhor e respeitável.

Entende que é chegado o tempo de colocar a mão na consciência, de modo a que este processo termine sem alguma interferência daqueles que querem ver os moçambicanos na miséria.

A fonte chegou mais longe ao afirmar que, “São poucas as pessoas que sabem exaltar os efeitos do outrem. Neste sentido nós como uma formação política, com larga experiência queremos manifestar a nossa saudação as equipas que estão a trabalhar, para pôr o término o ambiente de hostilidades que se viveu no passado recente no país”. Frisou.

Aliás, aquela fonte da “perdiz” reconheceu que o cenário que se vive nos dias que correm no solo moçambicano, caracterizado com relativa calma, resulta de entendimentos até então alcançados entre ambos os grupos.

Leia:  CDN desmantela burladores de passageiros do troço Cuamba-Lichinga

Presente na marcha esteve igualmente Ossufo Lane, porta-voz daquele braço juvenil da “perdiz” em Nampula, entre outros membros e simpatizantes.

Ele, atribui nota positiva a sua formação política pelo facto de estar a caminhar pela paz e justiça social. De referir que a marcha tinha como lema, “Somos pela Paz e Justiça Social”.