Detido casal “sorumático” em Ribáuè

em SOCIEDADE por

Agostinho Miguel

Nampula (Txopela) — Um casal encontra-se desde semana finda sob custódia policial em Ribáuè, distrito localizado no interior da província de Nampula, indiciado de consumo e venda de cannabis sativa vulgo soruma, naquele ponto da província de Nampula.

Este casal foi surpreendido pelos homens da lei e ordem, a quando de uma campanha visando desmantelar quadrilhas que aterrorizavam os residentes daquele distrito, explicou Dércio Manuel, substituto do porta-voz da polícia na província mais populosa do país.

Dércio Manuel disse por outro lado que, para a neutralização deste casal foi possível através de denúncias populares onde os mesmos, sentiam-se amedrontados com a presença massiva de homens de conduta duvidosa na residência do ora detido.

“Um trabalho feito nos bairros daquela autarquia pelos nossos homens foi possível a neutralização desse casal, em virtude de terem sido flagrados a vender soruma”. Disse àquela fonte da polícia em Nampula.

Ainda de acordo com a mesma fonte, decorre neste momento, processos de legalização do crime, os quais poderão resultar com a responsabilização dos autores pelo acto cometido.

Na mesma vertente, e ainda no distrito em alusão, a polícia  deteve dois(2) indivíduos na posse de quatro(4) pontas de marfim, com  proveniência e o destino ainda por esclarecer.

Os indivíduos foram neutralizados quando se faziam numa motorizada, meio usado pelos larápios como forma de ludibriar a polícia de trânsito. Mas, sabe-se no entanto que o marfim apreendido poderia custar 10 mil a cada ponta, que pesa pouco mais de dois (2) quilogramas.

“Os dois indivíduos detidos poderão nos próximos responderem em juízo por estes terem-se envolvido neste fenómeno macabro”. Assegurou.

Dércio Manuel falava esta segunda-feira (16) a imprensa, durante a apresentação do trabalho operativo da corporação nesta parcela do país na semana finda.

Leia:  NAS ÁGUAS DE QUELIMANE: 14 Pessoas morreram por afogamento

Na ocasião a fonte fez saber que, a polícia em Nampula recuperou das mãos dos meliantes, quatro (4) pontas de marfim, uma (1) viatura, três (3) motorizadas, dois (2) telemóveis entre outros bens, que passarão a ser entregue aos legítimos donos mediante a apresentação de recibo de compra.