Abertura do ano letivo – Milange – “Com ciência e Técnica é que se pode contribuir para o desenvolvimento” • João Nhambessa mandatário de governador

em DESTAQUES/EDUCAÇÃO por

Por: Sarmento Piloto,  C/ Txopela – Milange – 


Quelimane (Txopela) – Num país como Moçambique em que os níveis de desenvolvimento ainda estão a quem do desejado, há necessidade de se apostar pela educação, pois nela está a chave para que os cidadãos saibam contribuir para o progresso do mesmo.

Quem assim o diz, é João Nhambessa, director provincial dos Combatentes da Zambézia. Nhambeça falava última sexta-feira na Escola Primária de Lício, na localidade com o mesmo nome no distrito fronteiriço de Milange.

Porque acredita-se nas forças sobrenaturais, a cerimónia de abertura do ano lectivo em Milange começou com um culto tradicional, onde as estruturas suplicaram para o bom decurso do processo escolar no presente ano.

Tomando a palavra, o diretor dos Serviços Distritais de Educação Juventude e Tecnologia de Milange Emílio Mpanga, instou aos líderes comunitários, chefes das localidades, pais encarregados e a população em geral para que mandem os seus educandos à escola.

De igual modo, o dirigente direcionou palavra de exortação aos professores para que aumentem o seu desempenho, porque é da escola que se desenvolve o país.

O mandatário do governador da Zambézia João Nhambessa, disse em mensagem de ocasião que governo está preocupado com a educação razão pela qual há uma significativa preocupação pelo aumento de infraestruturas escolares e seu respectivo apetrechamento e paralelamente a isso, a contratação de docentes para responder a demanda.

O mandatário do governador foi mais longe ao chamar os pais e encarregados de educação para que não detenham os meninos por outras actividades que colocam em causa a frequência destes na escola.

“Neste ano o governo aumentou duas escolas, passando 320 escolas contra 318 do ano passado e contratou 3000 professores”, para depois realçar “uma população que sabe ler e escrever, conhece a ciência e técnica está pode participar ativamente no desenvolvimento do país.

Leia:  Um vereador incompetente e outro corrupto, escolha o seu!

A diante, o dirigente desencorajou a prática de ritos de iniciação no período letivo e também com muita tristeza pediu para que se abandone a prática de casamentos prematuros que acaba com futuro de uma criança.

E porque o pais precisas de ser autossuficiente, Nhambessa, disse aos presentes que é necessário se trabalhara afincadamente na agricultura, pois só assim é que poderão ser minimizados problemas ligado a fome.

A margem da cerimonia, foi inaugurado um edifício convencional onde funciona neste momento a secretaria daquela localidade (Liciro). #