LIBERDADE & INDEPENDÊNCIA

“Dialogo é a ferramenta essencial para o alcance da paz”- Dom Hilário.

em DESTAQUES/POLITICA por

stylecapture_2016-10-05_09-35-10_620Quelimane (Txopela) – O bispo da Diocese de Quelimane, Dom Hilário da Cruz Massinga, apela ao Governo e a Renamo a usarem o diálogo como ferramenta essencial para o término das hostilidades militares em Moçambique.

O bispo da Diocese de Quelimane, Dom Hilário da Cruz Massinga, convida ao Governo moçambicano e a Renamo a abraçarem um diálogo franco e honesto com vista ao alcance da paz efetiva em Moçambique. Estas declarações foram feitas esta terça-feira, a margem das celebrações do 4 de Outubro, Dia da Paz em Moçambique.

Aspectos ligados a paz, inclusão foram a tónica dominante numa homilia proferida por aquele epíscopo na capela dos Frades Capuchinhos em Quelimane, local que acolheu moldura de crentes seguidores de São Francisco de Assis e não só, para celebração eucarística de ocasião.

“Não dispensem ninguém do dever de construir o país, saibam respeitar-se, honrar-se e multiplicar benefícios em conjunto, isto é o fundamental para que possamos arrancar com uma nova jornada na construção da paz”, – disse Massinga.

Elisa Somane, Secretaria Permanente da província da Zambézia, refere que a Igreja sempre desempenhou um papel importante na reconciliação dos homens e instou aos seus dirigentes a continuarem a apoiar o governo no alcance da paz em Moçambique.

Ao nível da província da Zambézia, as cerimónias centrais alusivas ao 4 de Outubro, dia da paz tiveram lugar na cidade de Quelimane. Varias actividades marcaram a efeméride mas deposição de coroa de flores na Praça dos Heróis moçambicanos, constituiu o ponto mais alto das celebrações. (Redacção)

Leia:  Roubo frustrado nos escritórios do INGC
0 MT0.00
Ir para topo